terça-feira, 15 de novembro de 2011

Famílias Modernas

– E aí, meu, você por aqui? Há quanto tempo! Desde o colégio, né?

– É, cara, bons tempos! Vim comer uma pizza Hut. Prefiro aqui no shopping, é mais tranquilo.

– Que você tem feito? Entrou na faculdade?

– Não, estou dando um tempo? Não decidi ainda o que quero fazer. E você?

– Eu faço teatro na FAAP. É show, meu!

– E a família? Tudo em cima?

– Mais ou menos. A mamãe saiu de casa.

– Pombas, cara, que chato? Que houve?

– Ela pegou meu pai sacaneando a empregada.

– Putz! A Darlene, aquela gostosa que você estava pegando?

– É, aquela mesma. E eu fiquei mal paca... Ela não quis mais saber de mim. Disse que eu tinha um galeto, perto do peru do papai. Me ferrou, meu.

– Mal, cara! Sua mãe deve ter ficado mesmo uma arara, né?

– Nem te conto, meu. Ela fez um tremendo dum escândalo e se mandou.

– Cacete, meu. Voltou pra casa da mamãe?

– Não. Foi pra um apê que o papai tem nos Jardins. Foi viver com o Rafael, nosso antigo motorista. Se lembra dele?

– Sim. O Rafa? Aquele baita negão. E você, cara? O que você fez?

– Pensei em sair de casa também. Mas, o papai me mandou fazer análise. Depois, pensando bem, quem ia pagar minha mesada? Como eu ia poder sustentar meu Porsche?

– É, meu, muito chato mesmo! Você ainda faz análise?

– Faço. Já me fez bem paca. Eu não punha fé, mas análise ajuda a gente a se encontrar. Vou fazer por mais um tempo. O médico me pediu pra continuar. Ele ainda tem duas semestrais pra quitar de uma casa que comprou na Riviera. Dane-se, pô, não estou nem aí, a grana é do papai...

– Seu pai mandou embora a Darlene?

– Claro, meu! Ela começou a querer dar uma de patroa depois que a mamãe foi embora. Agora ele está pegando a mulher do vizinho do andar de cima: uma morenaça.

– Fera, o velho, né? Você vê sempre sua mãe?

– Não mais. Ela brigou com o Rafael. Ele pegou a mamãe na cama com a Darlene. Ela estava trabalhando pra mamãe como horista. A mamãe quis dar uma força pra ela. Sabe como é... E a Darlene é mesmo uma gostosa...

– Caramba, cara, que rolo! O motorista se mandou?

– Eles discutiram muito, o Rafael deu uns catiripapos na mamãe, mas depois foram passar uns dias em Porto Seguro pra colocar as coisas em ordem.

– Que legal, espero eles tenham ficado numa boa.

– Acho que sim. A mamãe agora vive em Queensland, na Austrália. Ela comprou um chalé em Sunshine Coast e mora com um surfista australiano que conheceu em Porto Seguro.

Caraca, mano! E o Rafa?

– Ele também está legal. Lá vem ele. Preciso ir, meu. Tchau. Ele pode ficar com ciúme se me vir conversando com você. Beijos.